terça-feira, 25 de Janeiro de 2011

Jumbo abre mais quatro postos de combustíveis ‘low cost’

O Algarve será uma das apostas da Auchan. A empresa tem as três bombas que mais vendem em Portugal e terminou 2010 com 7% do mercado.

A Auchan vai abrir, este ano, mais quatro postos de abastecimento de combustíveis de baixo custo em Portugal. Dois deles serão no Algarve, uma zona onde a retalhista francesa ainda não está presente com gasolineiras. Um desafio às grandes petrolíferas, como a Galp, a BP e a Repsol, porque os preços de gasóleo e gasolina do Jumbo são normalmente 10 a 12 cêntimos por litro inferiores à concorrência.

O Jumbo entrou no mercado português de combustíveis em 2005 e no final do ano passado contabilizou já 20 postos de abastecimento, com uma quota de mercado de 7%. Este ano, a cadeia francesa vai abrir mais quatro postos de combustíveis, dois deles em Portimão e Lagoa.

"O posto Jumbo já é visto como o mais barato da zona, conquistámos a notoriedade da marca", defende o director da área de negócio das gasolineiras da Auchan, Miguel Costa, em entrevista ao Diário Económico. "O Jumbo é o que mais vende no País. Quem dera às petrolíferas vender tanto como nós vendemos em Alfragide, em Almada ou em Alverca", sublinha.

Miguel Costa revela os segredos da Auchan para conseguir ter sempre a gasolina e o gasóleo 10 a 12 cêntimos mais barata do que os outros ‘players': "Não existe a figura do concessionário, que ganha uma margem sobre as vendas. Vendemos apenas combustíveis, isto é, não vendemos tabaco nem revistas nem comida; e quase nunca é preciso contratar pessoas porque o hipermercado que gere a gasolineira liberta trabalhadores para os postos." Em suma, a Auchan tem menos custos na exploração das bombas de gasolina, um negócio que o grupo francês encara como "complemento" ao retalho alimentar.

fonte: Económico

Sem comentários: